Pousada de Estói

O périplo pelas Pousadas de Portugal teve novo desenvolvimento, desta vez em Estói, Algarve.
Há que fazer um aparte para dizer que não me parece, de todo, que o serviço destas pousadas mereça o dinheiro que por elas pedem, mas meti na cabeça que lhes tenho que dar uma volta e … vou fazê-lo. E não paro enquanto não der uma voltinha pelo menos até à do Freixo, no Porto.
Aqui há uns anos tínhamos estado em Estói e foi possível visitar os jardins do antigo Palácio, que se encontrava degradado e para o qual havia planos de reconverter em hotel.
Hoje pode visitar-se o Palácio recuperado, mas não os jardins, que ao que parece se encontram fechados para balanço.
Enquanto pousada abriu em 2009, após projecto de recuperação do arquitecto Gonçalo Byrne.

A pousada divide-se em dois blocos distintos:
o edifício do antigo Palácio do século XVIII, onde ficam os espaços comuns, como a recepção, os salões, o bar, o restaurante e a capela, com os jardins e a piscina no exterior.
Estamos num palácio, mas o ambiente é deverás descontraído.

e, depois,
o edifício construído de raíz, extremamente bem conseguido. São três andares, o primeiro e o terceiro com quartos com acesso directo ao jardim.

Mas o que mais gostei, e dificilmente esquecerei, é o contraste do cor de rosa do palácio com o azul da piscina, com a planicie algarvia, entrecortada por um pequeno monte, a dominar todo o horizonte.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s