Sabaidee

Já de volta ao trabalho, tento incutir algo de descoberta nos meus alunos. À pergunta onde estiveste de férias este ano, aproveito para lhes quebrar a pausa nos estudos e os fazer ir procurar o Laos no mapa. Todos nunca ouviram falar deste país. Muitos desconfiam que seja mesmo um país. Alguns pensam que estou a confundir com Lagos. Mas, finalmente, há um ou outro que quando se toca no assunto bombas e guerra com os americanos palpita que será um vizinho do Vietname.
O que não suspeitam é que o Laos que conheci é um pedaço de tranquilidade e vida pacata na terra. Cidades feitas aldeias. Pessoas feitas de sabaidee arrastados. Ou seja, bons dias ditos com alma, daqueles que se querem que se prolonguem para o dia inteiro.
Um lacuna apenas. Não bebi a famosa Beerlao, a cerveja local que, diz quem sabe, é das melhores da Ásia. É nestas alturas que gostava de gostar de beber, saborear uma cervejinha à beira do Mekong. Fiquei-me pelas limonadas, o que até não está nada mal.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s