Mais Além

Um pouco mais afastados da zona central de Angkor (a cerca de 32km) – numa demorada viagem de tuc tuc que nos transporta pelo Camboja profundo, de plantações de arrozais, casas assentes em pilares, miúdos a nadar nas poças de água, búfalos passeando entre as gentes – ficam Banteay Srei e Kbal Spean.

Banteay Srei é provavelmente o mais lindo e adorável templo de Angkor, considerado a jóia da coroa da sua arte. Dedicado a Shiva, divindade hindu, é também designado como a “Cidadela das Mulheres”. O arenito na sua construção toma tonalidades rosa e na pedra encontramos talhados pormenores decorativos muito bem trabalhados, delicados e encantadores. Apesar das figuras dos guardiões (ou por isso mesmo…), não foi à toa que em 1923 Andre Malraux, que viria a ser ministro da cultura francês foi apanhado e preso por tentar “guardar” umas quantas estátuas e esculturas deste templo.

Kbal Spean, não muito longe do templo acima, é completamente diferente de tudo aquilo que nos foi dado a ver em Angkor. Também no meio da selva, este sitio conhecido como “River of a Thousand Lingas” proporciona-nos uma agradável caminhada de cerca de 1,5km até chegarmos ao leito do rio, onde encontramos esculpidas nas suas rochas imagens de divindades hindus.

Verdadeiramente surpreendente este aproveitamento da natureza, num local que até há bem pouco tempo era considerado muito perigoso pelas minas terrestres que por aqui estavam espalhadas. Felizmente agora a zona está limpa e quem quiser pode até aventurar-se numa refrescante banhoca por baixo da cascata.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s